quinta-feira, janeiro 14

Libido

Um pescoço masculino quer-se despido. Desprovido de cabelo e de golas sufocantes. A nudez de um pescoço masculino, desponta a locomoção de impulsos, um arrepio inadiável, o chamamento apetecível da ponta dos dedos, reclama a iminência de um beijo, a luxúria de um toque de língua.

4 criaturas afundaram esta pérola:

MouTal disse...

E uma dentadinha vampiresca com dois fios de sangue a escorrer?
Este comentário foi pouco romântico...não ligues, é da idade...
Um beijinho.

Leonor disse...

Um pescocinho cheiroso é uma tentação ...sempre!

Beiujka

pinguim disse...

Eu é melhor calar-me...

Rute disse...

=) Adoooro pescoços! Mas gosto ainda mais de costas!