sexta-feira, janeiro 8

O meu país é esquizofrénico

Eu sei que a esmagadora maioria das pessoas são mais inteligentes que eu, porque conhecem montes de merdas e tal (tipo Pacheco Pereira - que, note-se, só é para aqui chamado na sua condição de sabedor de merdas e afins), mas isto, é das caralhadas mais nojentas que ouvi nos últimos tempos. Uma pulhice.


Não há cu que aguente isto.

7 criaturas afundaram esta pérola:

pinguim disse...

Este tipo é nojento e julga-se a si próprio como um ser especial, o que é ainda pior...

Anónimo disse...

Desde o tempo dos Romanos que os políticos são demagogos, experientes…
Não falam a verdade, porque a desconhecem.
Aquilo, não me parece que seja de facto a opinião dele. Apenas se trata de uma forma de afligir o “coitado” que ficou com cara de anjinho estarrecido.

Freitas disse...

Este PP é uma besta e enquanto uma legião segue as tontices que escreve julga-se muito importante

Anónimo disse...

lAMENTO INFORMAR MAS O PACHECO NÃO FEZ MAIS DO QUE ECOAR A PREOCUPAÇÃO GERAL DOS PORTUGUESES. PORQUE SE A ESMAGADORA MAIORIA DOS PORTUGUESES NÃO ACEITA A ADOPÇÃO POR PARTE DE HOMOSSEXUAIS É PELO RECEIO DAS CONSEQUÊNCIAS DESASTROSAS QUE PODERÃO SURGIR DESSA RELAÇÃO, NOMEADAMENTE A PEDERASTIA.

Blueminerva disse...

Lamento informar, mas a orientação sexual não é relevante para uma candidatura de adopção. Qualquer indivíduo (homossexual ou não) pode adoptar. O que a lei inviabiliza, é que um casal de homossexuais possa adoptar. Faz swentido, não?

MouTal disse...

Esse gajo não é parvo só de agora, já é parvo há mais de cinquenta anos...
Então um gajo vai adoptar um puto para lhe ir ao rabo daqui a quinze anos?
Esta nunca me tinha passado pelo bestunto.

lampâda mervelha disse...

O que me espanta é que lhe pagam para falar. Fascinante, a sério!

Essa da "preocupação geral dos portugueses" também é interessante.

Esmagadora maioria no meu entender, são uns 8 milhões e mais uns quantos. Ora bem, retirando os que nem se interessaram pela questão, os "não-sabem-nem-respondem", os "dizem-que-não-mas-fazem-pior", analfabrutos, mais uns 5 milhões que nem votam, os que ainda festejam o Ano Novo, malta do Benfica ainda a delirar com o golo do Saviola, os que disseram que eram a favor e foram retirados da opinião, a malta que tem mais que fazer, mais os que gamaram as canetas e não assinaram... ah, voilá!!! Noventa mil!!! Esmagadora maioria... tem razão.

Retiro o que disse.