sexta-feira, junho 13

O novo colega - parte III

O emplastro é contra o sucesso da selecção nacional, está aliás ansioso por uma derrota para esbracejar a sua alegria. Não se importa com a situação económica do país desde que não afecte a Madeira, não se importa com a escalada do preço do petróleo, com a revolta dos camionistas, com a fome, com o carjacking, com os assaltos desde, claro está, que não afecte a maravilhosa ilha da Madeira. Enche o peito pra dizer que é madeirense e não reconhece Portugal como pátria e faz clara distinção entre os portugueses de cá e os de lá (discurso Jardinista).
Pra evitar me aborrecer, de cada vez que a criatura abre a boca, entro em coma auto-induzido, uma espécie de terapia Zen. Mas de uma coisa estou certa, devo ter o Karma encardido até à quinta geração pra ter que aturar este energúmeno cinco dias por semana!

11 criaturas afundaram esta pérola:

Su disse...

ahahahahahah
essa anta ..existe mesmo....
é pq despartes em mim o instinto animal com tal exemplar


temos de tentar que ele se esqueça do nome......amnesia...pois....

vale uma cadeira nessa cabeça pensadora

jocas maradas, com objectivos para eliminar emplastros

Ricardo Ramalho disse...

Ah... e ainda dizem que a violencia não é solução para nada! =P

Freitas disse...

Blue, tens mesmo de lhe bater na cabeça com um ferro até partir... o ferro.

lampâda mervelha disse...

Podia ser pior.... podiam ser dois, sei lá.

Bom, o orgulho pela nossa terrinha ou região é compreensível. Fazer da mesma a sua pátria... epah.. é tão pequenino... pfiuuu!

blueminerva disse...

Nem sei o que vos diga... tenho feito um esforço para ignorar a logorreia, mas tá difícil. Ninguém merece esta cruz! Não tarda nada, parto prá estupidez e haverá sangue.

Carloressu disse...

emplastro = verborreia

BaBy_BoY_sWiM disse...

Isso parece-me bem... ehehe

Cataclismo Cerebral disse...

Deves ter atirado pedra na cruz, não?

Just kidding...

Abraço e paciência

amsf disse...

Baby_Boy

Estava convencido que serias o tal novo colega da nossa anfitriã! LOL!

Rocket disse...

quando estive nos açores encontrei várias centenas de atrazados mentais como esse...apetecia-me dar-lhes a independência para ver o que faziam com ela...

Merchi disse...

... já tentaste dizer-lhe pra se jogar contra uma parede umas 50 vezes seguidas?

... talvez ajude!